Share this post on social media
Background Image
  • Home
  • Blog
  • Como harmonizar azeite com os alimentos?

Como harmonizar azeite com os alimentos?

2021-08-26

Aprenda a harmonizar o azeite de oliva La Española com os alimentos como um especialista.

O azeite não é apenas mais um dos ingredientes do seu prato, ele deve ser visto como algo que vai influenciar completamente na parte sensorial. Por isso, é importante que você saiba harmonizá-lo, mantendo o sabor da comida e agregando ainda mais sabor.

Além da qualidade de um azeite de oliva, muitas outras características são consideradas na hora de harmonizar esse alimento com os outros pratos, inclusive, o seu gosto pessoal. No entanto, vamos explicar um pouquinho mais sobre os aromas e sabores existentes em um azeite de oliva para que você consiga fazer as combinações que mais agradam o seu paladar.

Os aromas e sabores de um azeite

Para que você possa fazer uma análise sensorial de um azeite de oliva como um especialista La Española, separamos as características e o que cada uma delas significa:

  • Frutado: Apesar da fruta ser a primeira lembrada nesta categoria, ela é apenas uma das notas percebidas nesta análise sensorial. Aqui também se considera aromas e sabores de legumes como a alcachofra, tomate e amêndoas.
  • Amargor: Graças aos polifenóis, os azeites de qualidade sempre possuem amargor, variando pelo tipo de azeitona e outros fatores avaliados no artigo de qualidade.
  • Picância: Quando o azeite é engolido, é possível perceber um ardor na garganta. A picância também é uma característica percebida devido a um dos polifenóis, o oleocanhtal. 
  • Complexidade: neste item é considerada a riqueza de aromas e sabores do azeite, uma vez que o produto pode ter um sabor mais complexo que vai se alternando na boca e gerando uma explosão de sabores.
  • Harmonia: o próprio nome já diz tudo. Aqui se analisa se o amargor, sabores e picância estão em completa harmonia em seu conjunto. Afinal, não adianta ser só amargo e picante, é necessário ser saboroso.
  • Persistência: lembra da harmonia? Aqui é importante fazer a pergunta: por quanto tempo ela é capaz de durar nos sentidos? A resposta será a persistência do azeite de oliva.

Como usar os diferentes tipos de azeite?

Agora que você já sabe tudo sobre as características de um azeite de oliva, fica fácil fazer a harmonização: basta equilibrar a intensidade desses atributos e usar a sua imaginação na cozinha. Veja algumas dicas:

  • Azeite de Oliva La Española Extra Virgem: As notas frutadas e levemente apimentadas do azeite de oliva extra virgem La Española trarão uma nova experiência à sua refeição. Além de seu tempero delicado e seu amargor agradável, o azeite traz um final persistente ao seu paladar. Ideal para ser consumido cru, este azeite combina com torradas, pão italiano, queijos fortes e embutidos. Além disso, ele é a pedida ideal para finalizar pratos como bacalhau, mariscos, carnes vermelhas e grelhados, e também acompanha saladas amargas, molhos grossos de tomate e molhos picantes. Conheça aqui.
  • Azeite de Oliva La Española Tipo Único: Com sabor e aroma suaves, o Azeite de Oliva Tipo Único La Española traz um amargor agradável e notas clássicas de azeitona. Isso confere sutilmente ao azeite uma maciez que, ao ser aquecido, não muda os sabores do seu prato, mas os complementa favoravelmente. Portanto, se você desejar cozinhar, grelhar ou assar os seus alimentos como carnes, peixes e legumes, esse é o azeite ideal. Saiba mais sobre ele aqui.

Coloque o conhecimento em prática

Chegou a hora de colocar a mão na massa (ou no prato que você escolher). Mostre que você aprendeu a harmonizar o azeite com os alimentos e prepare as nossas receitas especiais aí na sua casa: